terça-feira, 25 de novembro de 2008

Estação de Trem Pirituba


Linha-tronco - km 90,320 (1935)
Inauguração: 01.02.1885
Data de construção do prédio atual: anos 1970
Uso atual: estação de trens metropolitanos
HISTORICO DA LINHA: A São Paulo Railway - SPR ou popularmente "Ingleza" - foi a primeira estrada de ferro construída em solo paulista. Construída entre 1862 e 1867 por investidores ingleses, tinha inicialmente como um de seus maiores acionistas o Barão de Mauá. Ligando Jundiaí a Santos, transportou durante muito anos - até a década de 30, quando a Sorocabana abriu a Mairinque-Santos - o café e outras mercadorias, além de passageiros de forma monopolística do interior para o porto, sendo um verdadeiro funil que atravessava a cidade de São Paulo de norte a sul. Em 1946, com o final da concessão governamental, passou a pertencer à União sob o nome de E. F. Santos-Jundiaí (EFSJ). O nome pegou e é usado até hoje, embora nos anos 70 tenha passado a pertencer à REFESA, e, em 1997, tenha sido entregue à concessionária MRS, que hoje a controla. O tráfego de passageiros de longa distância terminou em 1997, mas o transporte entre Jundiaí e Paranapiacaba continua até hoje com as TUES dos trens metropolitanos
A ESTAÇÃO: A estação de Pirituba foi inaugurada em 1885 pela São Paulo Railway. Em 1964, passou por reformas e foi construída uma passarela e mais uma plataforma, entregue em 1965.
LOCALIZAÇÃO: Avenida Doutor Felipe Pinel, próximo ao terminal Pirituba de ônibus